Lançamento de editora nacional traz discussão sobre “bem e mal” em história com demônio

“Daemian – Entre o bem e o mal”, de Isadora C. Lewis, apresenta a missão e os dilemas de um demônio com a personagem Clara

O que será que mais dificulta ao precisar cumprir uma missão? A tarefa de fato ou com quem isso deve acontecer? O objetivo pode ser ainda mais complexo ao envolver dois lados tão distintos e o nascimento de uma relação com a pessoa em questão.

Assim, é “Daemian – Entre o bem e o mal”, o primeiro livro de fantasia lançado pela Tulipa Editora, inspirado em uma experiência da autora Isadora C. Lewis na discussão sobre esses extremos. Um rascunho após uma conversa entre amigos tornou-se um livro em 2017 e, agora, já está em pré-venda.

A publicação apresenta a história de Clara que, após perder os pais quando pequena, conhece Daemian nos jardins de uma escola de freiras tradicionais. Como não sabe o que o garoto é, nem imagina o impacto de se aproximar dele.

O personagem é um demônio que a amaldiçoa e precisa continuar por perto até conseguir corromper totalmente a sua alma. No entanto, conforme a garota cresce, ele percebe que não será tão fácil concluir o seu propósito e se vê dividido entre a natureza de cada um.

Autora de Damien pretende proporcionar reflexões, sem deixar a diversão de lado

Em conexão com a maneira como a inspiração para o livro aconteceu, Isadora se interessa por fazer as pessoas pensarem, mantendo os momentos divertidos na leitura. “Gosto de falar sobre dualidade, de bem e mal e do equilíbrio entre esses extremos. Por isso, tento apresentar outros pontos de vista em minhas histórias”, comenta a autora.

Assim, o “outro lado da moeda” está presente nas suas obras, que buscam aquecer o coração do público. O que acontece, no caso desse lançamento, por meio do gênero com o qual tem uma relação especial.

“Não escrevo só fantasia, mas confesso que quando viajo nesse mundo é que me divirto mais. Eu amo realidades fictícias, criaturas místicas, poderosas e sombrias, ou nem tanto”, compartilha Isadora, que utiliza um pseudônimo para manter viva a memória da sua filha.Lançamento de editora nacional traz discussão sobre “bem e mal” em história com demônio

Apaixonada por filmes, livros e séries, ela escreve desde a época do colégio e, há dois anos, tornou as suas obras públicas. Com alma nômade, já morou no Nordeste, em Minas Gerais e no Mato Grosso. Atualmente, é de um cantinho do Canadá que dá vida aos seus personagens.

De portas abertas para esse e tantos outros gêneros

A fantasia abre um enorme leque de histórias, mundos e possibilidades. Assim pensa a Fernanda Segantini, co-fundadora da Tulipa Editora, que, por esse motivo, acredita se tratar de um formato com grande aceitação do público.

Agora, os leitores têm a oportunidade de conferir o porquê Daemian tornou-se o primeiro do gênero a ser lançado pela editora, que conheceu a autora a partir de um desafio de Contos de Natal. “A Isadora escreveu uma história que amamos. E, aliás, sempre ficamos de olho em autores que participam dos nossos desafios”, confidencia Fernanda.

Depois de um tempo, ao receberem alguns originais para avaliação, o enredo da publicação em questão a encantou, sendo atraída também pela escrita fácil, fluída e leve. E, é claro, a Tulipa está (e continuará) pronta a descobrir e apresentar ao público materiais que seguem esse e outros caminhos.

“Apesar de termos um perfil de histórias românticas nas publicações até o momento, o que mais queremos é que as pessoas conheçam os escritores nacionais, independente do gênero da escrita”, explica Fernanda, que considera ter vivido um desafio incrível ao editar Daemian e aguarda os próximos.

Onde encontrar?

“Daemian – Entre o bem e o mal” está na pré-venda na loja oficial da Tulipa Editora por R$ 39,90. 
Acesse: https://loja.tulipaeditora.com.br/produtos/daemian-entre-o-bem-e-o-mal/.

Tulipa Editora

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *